A direção é mais importante que a velocidade

Celso Braga

2 de setembro de 2020

Blog do Grupo Bridge

Desenvolvimento humano, transformação cultural e inovação.
Compartilhe este artigo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Nestes tempos em que tudo se resume a ser mais veloz que outros não podemos nos esquecer de que é a direção que realmente importa. Não adianta sairmos correndo atrás das coisas que temos para fazer se não sabemos para onde estamos indo. Uma clara direção nos dá um olhar para novos horizontes, nos engaja na jornada e nos anima a aprender.

Parece que dar a direção correta fica em segundo plano quando nos concentramos apenas no curto prazo, onde ações sem um sentido aparente conseguem revelar um resultado imediato, mas que, no entanto, não nos preenchem de satisfação. Por outro lado, já vi muitos grupos cansados, desgastados e, no entanto, cheios de esperança e entusiasmo porque sabiam exatamente para onde iam e onde iam realmente importava.

Escolher e comunicar bem a direção certa é algo fundamental para aqueles que desejam liderar, para os que desejam influenciar outras pessoas e, principalmente, desejam ter um grupo engajado para trilhar o caminho juntos. Há sempre obstáculos durante a jornada, mas que são transpostos pelo conjunto de pessoas que sabem para onde e porque estão naquele caminho.

Mas o maior obstáculo é transmitir com muita clareza a velocidade com que querem ir, mesmo que a direção e o lugar de chegada não estejam muito claro para todos. E, infelizmente, estamos vendo líderes que apenas olham bem para o curto prazo e dão muita ênfase para a velocidade com que querem que os prazos aconteçam, para a velocidade com que desejam que as pessoas aprendam e a velocidade com que querem que as ações sejam feitas.

Você pode e deve aprender a criar uma direção clara, para isto precisa do exercício do pensar criticamente, fazer um olhar amplo e cuidadoso sobre o que faz sentido e dá sentido às pessoas. Já vi muitos líderes que tem extrema dificuldade em dar esta direção clara, algumas vezes porque eles mesmos não a têm, em outros casos porque não conseguem traduzir o que pensam para algo compreensível para os outros. 

O que fazer?

Exercite estas ações no seu dia a dia:

  1. Escolha a direção antes de tudo, algo que importe para todos e leve a um resultado desejado;
  2. Escreva em frases simples a direção, leia as frases e escolha a que seja mais clara pra expressar sua direção;
  3. Apresente o porquê quer ir em uma certa direção e apresente a frase como forma de deixar a direção clara, escute o que e como as pessoas compreenderam.

Conte com o DUX, assistente de desenvolvimento para seguir em frente, realize a primeira etapa gratuita e construa sua missão de desenvolvimento. Participe dos grupos no telegram e receba insights perfeitos para serem colocados em prática, além de dicas personalizadas todo mês.

ESCRITO POR

Celso Braga

O Celso é um obstinado sonhador e realizador. Sócio-diretor do Grupo Bridge, é casado com a Adriana, pai do Lucas e do Mateus. Adora olhar pra frente e construir o futuro.

Artigos Recentes

Grupo Bridge 2021 © Todos os Direitos Reservados – GB Design Team
small_c_popup.png

Receba nossas notícias

Bridge News