SEM DIREÇÃO VOCÊ NÃO VAI A LUGAR NENHUM

Celso Braga

16 de abril de 2021

Blog do Grupo Bridge

Desenvolvimento humano, transformação cultural e inovação.
Compartilhe este artigo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

“Você aprende para tornar-se quem deseja ser”.
Celso Braga

É da natureza humana buscar uma direção, mas qual a função disso? Responder às questões cruciais da sua existência: será que posso fazer melhor aquilo que já faço? Posso enfrentar melhor o desafio no qual me encontro? É no momento em que nossa inteligência coloca intencionalidade e razão em como vamos seguir que nasce a direção!

Somente quando nos predispomos a compreender tudo o que nos limita, é que nos permitimos descobrir a essência dos problemas que nos impedem de seguir em uma única direção.
Mas você está exercendo sua liberdade para definir uma direção ou está apenas sendo levado por uma série de projetos e atividades que não lhe permitem ser o agente das transformações desejadas? Como sua liderança influenciará outros, dando a direção e analisando os caminhos necessários, se você está em super ocupação?

Qual é o hábito potencializador da sua compreensão e capacidade de expressão quando se trata de garantir a direção a seguir? Defina prioridades, não entre de cabeça em todos os projetos engavetados que ultimamente vêm brotando exigindo serem colocados em prática.

Mostrar a agenda, tanto sua quanto dos seus liderados, lotada de atividades e projetos apenas os deixará sem compreender a importância do que fazem e logo questionarão se não estão à deriva.
Uma visão mais ampla da situação pode te ajudar a escolher quais são de fato as ações e projetos que te levarão à direção escolhida. Com isso, seus caminhos podem ser melhor definidos e você pode, enfim, dissecar e se aprofundar nas questões mais relevantes.

Você não pode apenas ver as pessoas angustiadas, culpadas ou estressadas por não saberem ou não conseguirem dar conta de tudo. Este é um claro sinal de que estão cada vez mais perdidas sobre qual caminho seguir, e, provavelmente, já não acreditam tão claramente em uma direção.

Precisamos de líderes que apresentem um claro sentido para as pessoas, que consigam criar harmonia entre o que é preciso fazer e o que pode ser feito. Vamos parar um instante e refletir sobre o que te leva a não escolher prioridades, a querer abraçar todos os projetos e todas as atividades que parecem ser relevantes, apenas porque demonstrar que você está bastante ocupado se tornou algo dado como correto. Embora possamos perceber e até compreender que as pessoas estão cada vez mais perdidas e super ocupadas, que não têm conseguido lidar bem com o trabalho e, de alguma forma, também estão sentido uma enorme pressão emocional, não podemos achar “normal” ou parar por aí.

Quero dizer para você que o impulso emocional que tem levado as pessoas a abraçarem mais do que realmente conseguem dar conta, sem nunca dizerem “não”, cobrará seu preço no futuro, e perceba que não é um futuro tão distante assim. Há sinais claros de esgotamento batendo à sua porta quando todos se mostram overused.

Para abraçar um caminho e uma direção as pessoas não precisam do “o que fazer “, mas precisam de significado, você precisa se certificar de que lhes deu um “porquê fazer” com racionalidade e segurança, lhes deu algo para seguir.

Você pode pensar que pelo fato de gostar muito de resolver problemas, ou ter pessoas que gostam de resolver problemas cotidianos, de alguma forma não consegue ter força para ir além, para pensar no futuro de maneira mais significativa.

Aprenda a encontrar o equilíbrio entre o fazer e o pensar sobre o que fazer, questione-se do porquê algo tem que ser feito, se ele contribui para a direção que deseja seguir, se de fato ele pode ajudar a escolher os caminhos que precisam ser trilhados. Lembre-se que uma direção clara sempre ajuda as pessoas a serem melhores, pois aumenta o grau de entendimento de todos sobre as ações, melhora suas habilidades e os tornam reconhecidos por conquistarem algo claramente definido.


Como chegar a uma direção e um caminho mais claros?
1 – Foque em definir uma direção clara que deseja alcançar;
2 – Escolha quais ações são prioritárias e passe a dizer não para algumas coisas;
3 – Converse com as pessoas para deixá-las fortes, confiantes na missão, sem desviá-las com ocupações acima de suas possibilidades ou capacidades.
Conte com o DUX, assistente de desenvolvimento para seguir em frente.
Cuide de seu desenvolvimento, melhore em suas habilidades e conquiste saltos em sua carreira. Acesse www.desenvolva-se.com e experimente!

ESCRITO POR

Celso Braga

O Celso é um obstinado sonhador e realizador. Sócio-diretor do Grupo Bridge, é casado com a Adriana, pai do Lucas e do Mateus. Adora olhar pra frente e construir o futuro.

Artigos Recentes

Grupo Bridge 2021 © Todos os Direitos Reservados – GB Design Team
small_c_popup.png

Receba nossas notícias

Bridge News